quinta-feira, 15 de março de 2007

Google se enraba enquanto Surfistinha se emociona com texto de Inagaki

O Google cometeu mais uma das suas, e acabou obrigado a pagar a bagatela de R$ 3,8mi à senhorita advogada gaúcha que não tem o nome divulgado pelos portais de notícia, neste momento, por todos estarem com um cagaço da menina.

Ela deu a sorte de ser relaciona à Bruna Surfistinha nas pesquisas do Google. Lembrando ao amigo inexistente leitor que Bruna Surfistinha só pega onda sonora, já que surfistinha só no nome, de guerra.

Nossa “guerreira” (muito ‘Pedro Bial’ isso =P) parou de falar de putaria, para a tristeza dos marmanjos de 16 anos, que não largavam a ferramenta ao ler os textos da moçoila... Ossos do Ofício não tem nenhum post.

Engraçado que um tal de Pedro pegou o texto do nosso prezado Inagaki e fez-se o favor de realizar pequenas alterações para emocionar nossa pseudo-ex-puta. Até marejou os olhos da garota, mas duvido que tenha conseguido algum programa com a moça.

Afirmo isto na convicção de dizer que, desde que o mundo é mundo, as putas gostam de receber dinheiro ou adjacentes por programas e não cantadas e textos bonitinhos. Se assim não o fosse, eu seria um dos maiores comedores do mundo, já que texto bonitinho pra puta eu já escrevi um monte e nenhum teve resultado diferente de: “Muito lindo isso, mas é 20 conto do mesmo jeito”. Não que eu tenha utilizado esses serviços, é claro...

Então, graças a uma cagada de seu sistema de busca, o Google chamou uma advogada de puta, puta que recebeu uma cantada com um texto do Inagaki. Ou seja, Inagaki, investe nela filho, que, na pior das hipóteses, ela te dá um desconto.

1 comentário:

honey disse...

hauahuahaaa
ô lingua maligna!!!